7
Jan
Lucros da HTC continuam em queda
por Pedro Ivo Faria HTC , Android , Windows Phone , Peter Chou
Já são conhecidos os resultados da HTC para o último trimestre de 2012 e a companhia asiática volta a registar uma nova quebra nos lucros obtidos no período. Apesar do cenário não ser tão devastador quanto era projectado pelos analistas, a verdade é que a HTC continua a não conseguir inverter a tendência de queda que se vem manifestando há mais de uma ano.



Com os lucros a descerem quase 91% face ao mesmo período do ano passado, posicionando-se ao nível do que a empresa realizava em 2004, Peter Chou foi obrigado a reconhecer que a situação que a companhia ‘é bastante complicada’ e que é necessário acelerar as mudanças internas que começaram a ser operadas no último trimestre do ano passado.
Nem a nova gama de terminais Windows Phone 8 ou os modelos emblemáticos baseados no Android como o Butterfly chegaram para recolocar a HTC na senda do crescimento e dos lucros que a ajudaram a tornar-se numa das marcas mais importantes dos últimos 10 anos neste sector.

Chou garante que a marca começará a escutar mais os seus clientes e utilizadores em geral e que espera conseguir redimensionar a sua oferta para ir de encontro às expectativas do mercado. O acordo de licenciamento cruzado assinado recentemente com a Apple irá libertar recursos da empresa que se irão focalizar agora na concepção de produtos melhores, mais inovadores e mais completos sem a eterna preocupação de virem a ser alvo de processos jurídicos mais cedo ou mais tarde.
Para o CEO da HTC o ano de 2013 será efectivamente o ano da recuperação da marca e o começo de uma nova era dentro da companhia.

Esta notícia já foi consultada 277178 vezes
 
 
Publicidade