21
Mar
PT inova no segmento dos pagamentos móveis com o TMN Wallet
por Pedro Ivo Faria TMN Wallet , NFC , USSD , SMS , QRCode
Os pagamentos móveis são um dos segmentos mais promissores da indústria das telecomunicações e reúnem em seu redor um elevado número de companhias que tentam garantir uma participação activa quando os mesmos começarem a ser usados de uma forma massiva. Para que isso aconteça é necessário ‘alinhar’ vários interesses ou, em alternativa, desenvolver soluções engenhosas que possam ser auto-sustentadas e não necessitem de depender da ‘boa vontade’ de terceiros.

O TMN Wallet apresentado pelo grupo Portugal Telecom (PT) ‘encaixa’ no último grupo e é já uma das abordagens mais inovadoras, a nível global, para os pagamentos móveis sustentados por uma entidade de cariz não financeiro.
A solução da PT permite o pagamento de serviços e aquisição de bens através de SMS, USSD, NFC ou leitura de QRCodes. Está disponível enquanto aplicação nativa para terminais Android e iOS e como solução Web-based para as restantes plataformas, garantindo que ninguém ‘ficará de fora’.

O projecto-piloto já se encontra em curso e está disponível para todos os funcionários do grupo embora a sua utilização esteja limitada aos edifícios da PT nas Avenidas Fontes Pereira de Melo e Álvaro Pais (Lisboa) e no Centro de Inovação em Aveiro. Nesses locais os utilizadores podem comprar produtos em máquinas de vending automáticas, em serviços de venda personalizada ou nos espaços de restauração usando apenas o telemóvel.
O serviço tem como base um saldo pré-pago, que não está relacionado com o saldo para as comunicações, e pode ser ‘carregado’ através de diversos meios de pagamento (Cartão de Crédito, Paypal, Multibanco ou MBPhone).



Todas as aquisição terão que ser efectuadas junto a um terminal de pagamento que fornece a informação necessária à concretização da venda/pagamento. O utilizador tem a possibilidade de escolher um dos quatro métodos de pagamento na altura em que o vai efectuar, adequando a sua opção em função do terminal que estiver a usar e das capacidades do próprio ponto de pagamento.
Nos pagamentos por SMS é necessário enviar uma mensagem de texto para um número pré-definido que devolverá um código que deverá ser digitado no terminal de pagamento para concluir a compra, caso seja via USSD, NFC ou QRCode o processo é bastante mais ágil e directo.

Nesta fase o serviço TMN Wallet apenas está à disposição dos funcionários do grupo PT mas será alargado à população em geral assim que terminal a fase de testes.



Uma das estrelas da apresentação da TMN era o Huawei U8650 Sonic, um modelo de entrada baseado no Android 2.3 apresentado em meados do ano passado que conta com um ecrã HVGA de 3.5 polegadas, processador a 600 Mhz, 256 Mbytes de RAM e 512 Mbytes de ROM, câmara fotográfica de 3.2 MPixels e conectividade 3.5G, Bluetooth, WiFi e NFC.
Este modelo deverá integrar o catálogo da TMN brevemente e ser uma das pedras-chave na estratégia do grupo PT para o segmento dos pagamentos móveis.


Esta notícia já foi consultada 32942 vezes
 
 
Publicidade