22
Fev
Nokia já vende mais Windows Phones que Symbians em alguns países
por aikon Nokia , Symbian , Windows Phone , Lumia
A estratégia de substituir as plataformas Symbian e MeeGo pelo Windows Phone 7 da Microsoft começa a dar os primeiros resultados visíveis. Se bem que estes estão longe de serem aqueles que a Nokia e a Microsoft desejariam, o número de Lumias vendidos em certos países já supera a quantidade de smartphones baseados no Symbian.

É na Europa que a Nokia está a conseguir obter os melhores resultados, em especial em Inglaterra onde uma mega-campanha promovida pela Microsoft, Nokia e Orange começa a dar os seus frutos. É nesse país onde os Lumias começam a destacar-se na gama da Nokia, depois das vendas do Symbian terem caído dos 15% da quota de mercado para uns escassos 2.8%. Em contrapartida o Windows Phone viu a sua quota subir de 0.4% para os 2.2% o que vem demonstrar a importância da chegada dos primeiros modelos da Nokia equipados com a plataforma móvel da Microsoft.

Apesar da boa aceitação do Nokia Lumia em vários países europeus, com a Alemanha, a Inglaterra e a Suécia a liderar as vendas, os EUA continuam a ser um mercado impenetrável para a companhia finlandesa que continua a não ter expressão localmente.
Mesmo mantendo o primeiro lugar entre os fabricantes de dispositivos móveis, quando se considera os telemóveis convencionais e os smartphones, a Nokia está cada vez mais afastada da Apple e da Samsung que lideram confortavelmente o segmento dos smartphones.
Se em parte se está a assistir à recuperação de imagem da Nokia com a boa aceitação dos Lumia em certos mercados, as vendas dos modelos baseados no Symbian e no MeeGo ‘caíram a pique’ uma vez que as operadoras móveis já não se encontram dispostas a apostar em duas plataformas moribundas.

Esta notícia já foi consultada 16581 vezes
 
 
Publicidade