26
Jan
RIM reforça capacidades dos terminais com versão 6.1 do BlackberryOS
por G5 Blackberry Messenger , BBM , 6.1
Na ‘corrida’ que está actualmente a ser disputada no segmento móvel, o iOS da Apple e o Android da Google estão claramente na liderança quando se fala de percepção do mercado, integração de tecnologias móveis e na forma como os utilizadores interagem com os terminais.
A RIM, não obstante o seu ‘atraso’ tecnológico dos Blackberry, continua a ser a líder incontestada no segmento profissional e corporativo. Por muito interessante e atractivos que sejam o iPhone e o Android, na hora de se ligar ao trabalho a preferência vai para os Blackberry.



A versão 6.1 do Blackberry OS vem reduzir a distância que separa a plataforma móvel canadiana da concorrência e colocar um ponto final em algumas críticas. Se a versão 6.0 tinha apresentado finalmente um browser ‘a sério’, a nova versão incorpora várias funcionalidades que permitem aos Blackberry aproveitar várias tecnologias emergentes. Suporte para HTML5, motor WebKit optimizado, compilação de javascript (JIT compiler), acesso a geolocalização, cache para WebApps e suporte para vídeo em fullscreen são algumas das novidades do browser.
O suporte para uma bússola digital em aplicações de terceiros e um conjunto de novas APIs abrem caminho para a chegada de aplicações de realidade aumentada, o suporte para a tecnologia OpenGL ES 2.0 garante um novo nível de qualidade (dentro da experiência Blackberry) para jogos que também é potenciado pelo novo motor gráfico da plataforma.

As redes sociais estão mais integradas no sistema operativo, a gravação de vídeo HD (720p) a 30 fps passa a ser possível, suporte para tecnologia NFC, um novo teclado virtual mais fluído e com melhor tempo de resposta e uma maior liberdade de personalização garantem ao utilizador uma melhor experiência de utilização pessoal.



Também o Blackberry Messenger (BBM) recebeu uma revisão profunda e serve agora de plataforma de comunicação e interacção com outras pessoas. A comunicação cruzada com pessoas que não se encontram registadas na agenda de contactos vai ser possível (com os amigos dos amigos) e a identificação no BBM poderá ser usada em jogos (em vez do gamer name). Esta última funcionalidade dará origem a ‘jogos sociais’ e à possibilidade de se trocarem mensagens com outros jogadores que também estejam a usar o BBM como plataforma de identificação.

Esta notícia já foi consultada 4784 vezes
 
 
Publicidade