27
Fev
Decisão de integrar o Skype no Nokia N97 considerada hostil pelas operadoras
por Pedro Ivo Faria
Esta é mais uma tentativa de reduzir as comunicações a um ecossistema Nokia e o papel das operadoras a um simples tubo cego por onde passam comunicações.
Este é uma das diversas reacções ao anúncio da parceria entre a Nokia e a Skype, e do qual resultará a pré-instalação da solução de Voice-over-IP (VoIP) da segunda nos terminais da primeira.

Para além dos comentários de desagrado, certos rumores indicam que operadoras como a O2 ou a Orange já ameaçaram a Nokia de ignorarem o modelo N97 a lançar brevemente caso esta não remova o client Skype do terminal.
Conhecendo-se a influência da Nokia no mercado das comunicações móveis, a vontade das pequenas operadoras de poderem contar com o apoio directo da marca finlandesa e a falta de vontade das grandes operadoras de abrirem este precedente, parece claro que alguém terá que ceder.
Este será também um teste à capacidade dos fabricantes influenciarem a estratégia das operadoras móveis e ao poder que estas detêm de ditarem quais são as regras do mercado e porem de lado as marcas que não as respeitarem.

Para a Nokia o momento para este braço de ferro é o ideal. Tem um modelo muito reputado prestes a chegar ao mercado, tem o apoio dos utilizadores e ainda representa a maior fatia do mercado.
Para as operadoras é uma batalha que não pode ser perdida, caso contrário correm o risco de verem outras plataformas/marcas seguirem o mesmo caminho e passarem a definir as linhas condutoras das telecomunicações.

Esta notícia já foi consultada 5680 vezes
 
 
Publicidade