5
Abr
Teste ao Fujitsu-Siemens Pocket Loox T830
por pcdebolso


Ao longo dos anos a Fujitsu-Siemens foi-nos presenteado com equipamentos muito bem conseguidos, bem equipados e construídos mas, por alguma razão, nunca alcançou a popularidade dos HP iPAQs entre os dispositivos não convergentes.

Após a Toshiba ter abandonado o segmento dos PocketPCs, coube à Fujitsu-Siemens ocupar o estatuto de fornecedor de equipamentos fora de série dotados de características acima da média, como foram os bem sucedidos Pocket Loox 720, a série Loox 400 ou, mais recentemente, os navegadores pessoais da família N500.
Com uma legião de entusiastas que seguem fielmente as propostas da marca, a empresa nipo-germánica prepara-se para enveredar pelo árduo caminho dos terminais convergentes onde a concorrência é muito aguerrida e se encontra (demasiado) bem implantada.

A primeira proposta (na realidade já existiram outros terminais com funcionalidades de telefone mas foram fabricados pela HTC e lançados apenas sob designação Siemens) da marca é no mínimo muito ambiciosa.
O Pocket Loox T830 foi a primeira alternativa 3G aos terminais HTC, conta com um teclado QWERTY integrado e ainda com um receptor GPS baseado no chip SiRF Star III.
Olhando apenas para as especificações técnicas é impossível deixar de concordar que estamos perante um dos mais completos equipamentos do mercado. Mas a realidade mostra que talvez não seja bem assim …

Ao contratar a Compal para lhe fabricar este dispositivo a Fujitsu-Siemens estava a correr um risco calculado já que depositava nas mãos de uma empresa sem grandes provas dadas na produção de terminais 3G, um dos equipamentos mais completos e ambiciosos do mercado.
Ao longo desta análise serão aprofundadas algumas das opções técnicas efectuadas assim como as soluções apresentadas e o desempenho global deste equipamento.
...

ver o resto da noticia >>
Esta notícia já foi consultada 42245 vezes
 
 
Publicidade