5
Set
HTC Excalibur / S620 testado e aprovado
por pcdebolso T-Mobile Dash O2 Xda Cosmo HTC S620


Se o segmento dos PocketPCs é muito aguerrido, com diversas marcas a apresentarem modelos para todos os gostos e feitios, já entre os Smartphones Windows Mobile a HTC praticamente não tem concorrentes.

Presente desde os momentos iniciais e não contando com a oposição de qualquer modelo proveniente de outra marca que tenha alcançado uma posição de relevo, seria natural que a HTC fosse dormindo sobre os louros conquistados e apresentando pequenas evoluções no conceito e na forma.

Com o HTC MTeOR, e em especial com o Excalibur a lançar brevemente (com designação HTC S620), a HTC deixa bem claro que não pretende entrar em velocidade de cruzeiro e que continua a investir na produção de terminais inovadores e avançado.

Já se sabia que seria uma questão de tempo até a HTC lançar um modelo, como este HTC Excalibur, para combater a popularidade crescente que o Motorola Q está a conquistar doutro lado do Atlântico e da investida tímida da Samsung com o SGH-i320.
Mas este terminal não pretende lutar taco a taco com a concorrência. O objectivo é mesmo cilindrá-la e tornar-se no líder incontestável do segmento.

Tendo em conta que, nos Estados Unidos a Motorola vende cerca de 500 Qs por dia (mesmo assim bem longe dos 5 milhões de RAZR vendidos até ao momento) como será o trunfo que a HTC tem na manga para assegurar a primazia neste segmento?
Na análise que se segue poderá conhecer todos os detalhes, fotos e experiências recolhidos ao longo de uma semana de utilização do HTC Excalibur.

Antes de começar a nossa mensagem de apreço para a entidade que nos cedeu o terminal para teste (e a devida autorização para o publicarmos) e à cadeia de lojas FNAC que emprestou os restantes terminais usados nas fotos comparativas (Nokia E61, etc). ...

ver o resto da noticia >>
Esta notícia já foi consultada 44808 vezes
 
 
Publicidade