16
Mai
2013
A Microsoft lançou recentemente a versão 3.0 da aplicação YouTube para Windows Phone que trazia um punhado de novidades e de funcionalidades que não estão disponíveis em mais nenhuma plataforma. Da possibilidade de controlar a reprodução a partir do ecrã de bloqueio até à capacidade de se descarregarem vídeos para reprodução local posterior, a nova aplicação representa um salto significativo relativamente à versão anterior.



Mas este salto e o manancial de funcionalidades que o acompanha não foi bem recebido pela Google que pretende que a aplicação seja removida do Windows Phone Store até 22 de Maio e que todas as cópias descarregadas e instaladas sejam desactivadas.
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 23196 vezes
15
Mai
2013
Apenas um mês após ter sido lançado comercialmente o HTC First poderá vir a ser descontinuado. Rumores provenientes de vários quadrantes do mercado dão conta de um desempenho comercial muito pouco satisfatório e da vontade dos executivos da AT&T reverem o seu envolvimento na distribuição do primeiro facebook phone.



O primeiro sinal veio da operadora móvel norte-americana quando esta reduziu o preço do HTC First de $99.99 para os meros $0.99 na contratação de um plano dois anos de fidelização. Embora nem a HTC, nem a AT&T, nem o Facebook tenha avançado com números de vendas oficiais, um dos analistas da Global Equities Research aponta para um volume claramente abaixo das 15 mil unidades.
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 19909 vezes
15
Mai
2013
A fórmula é bastante simples: ‘pega-se no Xperia Z, reduz-se as dimensões do ecrã e do dispositivo em geral e passa-se a ter um novo modelo de gama média-alta’. Foi o que fez a Sony com o Xperia ZR.
O novo modelo da marca nipónica mantém ou melhora algumas das características próprias do Xperia Z, como sejam a resistência à água e a possibilidade de gravar vídeo Full HD quando submerso.

O novo modelo Android 4.2 da Sony conta com um processador quad-core Qualcomm S4 Pro a 1.5 Ghz, 2 Gbytes de RAM, 8 GBytes de memória de armazenamento, câmara fotográfica com sensor Exmor RS de 13 MPixels, ecrã HD (720p) de 4.55 polegadas com tecnologia Brava Engine e Opticontrast e ainda conectividade LTE e NFC.
Mas o que se destaca neste dispositivo é a capacidade de funcionar sem quaisquer problemas quando submerso desde que não se ultrapasse os 1.5 metros de profundidade ou não seja mantido debaixo de água por um período superior a 30 minutos.



Com este modelo a Sony pretende ampliar as vendas da gama Xperia, que se situaram nas 8.1 milhões de unidades no último trimestre e superaram os 33 milhões durante o ano de 2012. Ao oferecer ao seu cliente a possibilidade de levar o seu smartphone para locais que eram até agora completamente desaconselhados, a Sony encontra um novo argumento de vendas que poderá ser bastante importante agora que se aproxima a época balnear no hemisfério norte.
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 20740 vezes
14
Mai
2013
Foi no decurso da feira CES 2013 que a Nvidia deu a conhecer um dispositivo baseado no Android que aspira a ocupar um nicho de mercado que é monopolizado, até agora, pelas consolas de jogos portáteis.
A Playstation e a Nintendo DS irão ter brevemente concorrência directa na forma de um equipamento híbrido que potencia todas as capacidades do Android enquanto plataforma de jogos.



O Nvidia Shield conta com um poderoso processador Tegra 4, 2 GBytes de RAM, ecrã HD multitouch de 5 polegadas, 16 GBytes de espaço de armazenamento, saída mini-HDMI e suporte para cartões micrSD.
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 21105 vezes
14
Mai
2013
Um dia após a apresentação do Nokia Lumia 928, destinado exclusivamente à operadora norte-americana Verizon, a companhia finlandesa deu a conhecer o Nokia Lumia 925. A nova variante do Nokia Lumia 920 distingue-se pelo seu design metálico e pela inclusão das mais recente evoluções da tecnologia de imagem PureView.

O novo Lumia é o primeiro da gama Windows Phone da Nokia a incluir acabamentos em metal, apresentando novos argumentos em termos de robustez, elegância e sobriedade. A tampa posterior continua a ser em policarbonato e está disponível de base nas cores branco, preto ou cinzento e como acessório extra também em amarelo e vermelho. Adicionalmente, pode ser adquirida uma tampa dotada de funcionalidade de carregamento sem fios, que é encaixada na parte posterior do dispositivo, permitindo tirar partido da vasta gama de acessórios e do ecossistema da Nokia neste domínio.



O ecrã de 4.5 polegadas e resolução de 768x1280 pixels continua a dominar a parte frontal do novo Lumia e no interior pode ainda ser encontrado um processador dual-core da Qualcomm a 1.5 GHz, 1 GByte de RAM e 16 GBytes de armazenamento.
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 20890 vezes
11
Mai
2013
Com mais de um milhão de utilizadores (nem todos completamente satisfeitos) o Facebook Home começa a afirmar-se como uma solução alternativa para o homescreen e launcher dos terminais Android.
A omnipresença do Facebook no dispositivo está a ser bem recebida por um grande número de utilizadores que reconhecem as vantagens de ter uma plataforma focada na vertente social e não na tradicional abordagem que coloca as aplicações no centro da experiência de utilização.

O suporte para terminais equipados com ecrã Full HD (1080p) chega agora garantindo uma experiência ainda mais imersiva e completa aos utilizadores do HTC One ou do Samsung Galaxy S4.
O Facebook Home já pode ser descarregado a partir do Google Play.

Esta notícia já foi consultada 44168 vezes
8
Mai
2013
A Huawei alargou a sua oferta de smartphones com a apresentação do seu primeiro modelo baseado na plataforma Windows Phone 8: o Huawei Ascend W1.
Este novo equipamento surge como uma alternativa à gama Android que a companhia já dispunha e permite à Huawei diversificar a sua oferta e alcançar novos clientes que procuram um smartphone actual e evoluído a um preço acessível.



Com apenas 10,1 mm de espessura, o Ascend W1 possui um ecrã IPS LCD de 4 polegadas e é ‘motorizado’ por um
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 28831 vezes
6
Mai
2013
Antecipando-se ao lançamento do HTC One Mini, a Samsung apresentou mais um terminal de gama média que recupera o aspecto do Galaxy SIII e as especificações técnicas do Galaxy S2. O Galaxy Core é um terminal dual-SIM com especificações modestas que lhe permitirão manter um preço final bastante competitivo.



Com um ecrã de 4.3 polegadas e resolução de 480x800 pixels, um processador dual-core a 1.2 GHz, 1 GByte de RAM, 8 GBytes de memória interna e uma câmara fotográfica de 5 MPixels, o novo Galaxy Core destina-se aos utilizadores que procuram um dispositivo leve, com um desenho actual e que não se importam de abdicar de algumas características e funcionalidades para disporem de um terminal acessível.
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 32505 vezes
6
Mai
2013
Segundo o último relatório da IDC a Microsoft vendeu no segundo trimestre cerca 900 mil tablets Surface com a versão Pro (equipada com processador Intel) a chamar a si a maior parte das vendas.
Com as vendas a desenvolverem-se a ritmo lento – bastante menos de 2 milhões de unidades vendidas desde o lançamento – a Microsoft prepara uma nova geração do Surface que poderá vir a ser apresentada durante a conferência Build que se realiza no final do mês de Junho em São Francisco.



A Microsoft irá seguir a tendência do mercado, que procura essencialmente tablets equipados com ecrãs de 7 ou 8 polegadas, apresentando um novo modelo que é mais compacto e mais barato que o actual. Alegadamente o ecrã terá 7.5 polegadas e a invulgar resolução de 1400x1050 pixels, uma densidade de 223 ppis e a produção em massa deverá ter início apenas em 2014.
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 28626 vezes
6
Mai
2013
Depois de ter voltado a apresentar resultados financeiros preocupantes durante o último trimestre, a HTC parece estar finalmente na rota certa e os resultados começam a surgir.
Os atrasos na produção do HTC One condicionaram a estratégia e as vendas da companhia asiática durante a parte final do trimestre e acabaram por comprometer o seu desempenho comercial.



A queda de 98% nos lucros face ao mesmo período do ano anterior (2.8 milhões de dólares em 2013 contra 152 milhões em 2012) não parece ter afectado a confiança dos administradores da HTC que anseiam por um regresso a terrenos mais positivos.
ver a notícia completa
Esta notícia já foi consultada 26717 vezes
 
 
24 918 039 visitantes
452 online neste momento